Todos os direitos reservados a COPAME SCS

ed. 2020 - Tel. (51) 3717-9200

    antiga copame.jpg

    COMO INICIOU

    A Associação Comunitária Pró-Amparo ao Menor (Copame) foi fundada em 30 de outubro de 1984, com o viés de ser uma entidade filantrópica. No início sua sede era em outro endereço, com estrutura física precária e era denominada Comissão Pró-Amparo ao Menor. Sua fundação partiu da liderança de um Comissário de Menores, juntamente com Clubes de Serviços e alguns segmentos da comunidade, que viram a necessidade de criar uma estrutura capaz de abrigar crianças em vulnerabilidade social.

    A NOVA SEDE

    Com o passar dos anos o abrigo passou por inúmeras modificações, inclusive em relação à estrutura física. Em 1989 o estatuto passou por uma reformulação, quando foi alterada a razão social para a atual nomenclatura de associação, permanecendo o nome fantasia COPAME.

    No prédio administrativo funcionam a recepção e a área administrativa, além de abrigar as salas de equipe técnica.

    ESTRUTURA FÍSICA

    WhatsApp Image 2019-08-30 at 2.32.36 PM

    BERÇÁRIO

    Devidamente instalado para receber os bebês (de 0 à 3 anos) com o máximo de cuidado e carinho possível, são 8 cuidadores, em revesamento, com permanente atenção e guarda aos acolhidos, verdadeiros anjos da guarda.  
     

    WhatsApp Image 2019-08-30 at 2.32.38 PM

    DEMAIS CASAS

    A Copame dispõe de mais 3 casas para acolhimentos de até 12 crianças/adolescentes por casa (azul, verde e lilas) de acordo com a faixa etária e gênero.

    WhatsApp Image 2019-08-30 at 2.32.36 PM

    CABANA & QUADRA ESPORTIVA

    A Copame ainda dispõe de uma cabana de convivência – onde são realizados os encontros de integração -, um gramado, um playground e uma quadra poliesportiva coberta.

     
    Padaria.jpg

    A PADARIA 

    A padaria está instalada no segundo piso do prédio administrativo.  Além de ser auto suficiente, a padaria fornece os pães e lanches necessários para a alimentação das crianças. Fornece ainda produtos alimentícios à empresas do município, cujo lucro é integralmente investido nas necessidades da instituição, de maneira que representa uma das principais fontes de renda da entidade.